Artes: oficina todos os dias para os pequenos

Desde muito cedo as crianças investigam intensamente o mundo. Os objetos ao redor são alvo de exploração. Os pequenos analisam a textura, as cores, os tamanhos e fazem isso utilizando o corpo todo, através de movimentos que traduzem a enorme vontade de conhecer, compreender e se apropriar do mundo.

Permitir que as crianças brinquem com materiais que se misturam e se transformam favorece a construção de importantes aprendizagens, já que os pequenos descobrem os efeitos ou as mudanças que a própria ação provoca no mundo. O estímulo aos sentidos ajuda no DESENVOLVIMENTO cognitivo, linguístico, social, psico-motor e emocional das crianças.

Cores, formas, temperaturas, cheiros e texturas!  😊 #ambienteslúdicos #educaçãoinfantil 

Uma foto publicada por Malubambu Casa de Brincadeiras (@malubambu) em

Se os bebês aprendem por meio da experimentação dos seus sentidos, é preciso ofertar estímulos para desenvolver suas potencialidades. As Oficinas de Artes, incluídas diariamente na programação da MALUBAMBU, criam instalações e oferecem materiais inusitados, naturais e atóxicos que promovem a estimulação multisensorial dos pequenos até 36 meses. Como são diárias, as Oficinas de Artes garantem uma progressão do aprendizado. A equipe de brincadores organiza o tempo, seleciona os materiais e leva sempre em consideração a NECESSIDADE DE REPETIÇÃO. Isso promove familiaridade e segurança para as crianças e também favorece àqueles que têm alguma repulsa quando em contato com algum material pela primeira vez.

Sem tablet, sem wifi. Aqui a brincadeira rola solta no quintal! Hoje teve desenho mágico com purpurina! #quintaldehoje #malubambu #férias

Uma foto publicada por Malubambu Casa de Brincadeiras (@malubambu) em

Qual a importância do acompanhante?

É de uma infância sã e segura que surgem crianças cujo desenvolvimento cerebral as torna curiosas, interessadas e motivadas, além de aprendizes inteligentes. Para isso, elas precisam ficar ao redor de adultos que demonstram se importar com elas pessoalmente, que estejam em sintonia para criar interações que levam ao desenvolvimento de relações íntimas e duradouras.

Fiz com giz no #BosqueBambu!

Uma foto publicada por Malubambu Casa de Brincadeiras (@malubambu) em

O acompanhante funciona como uma base segura de apego a partir da qual a criança ou o bebê irá explorar. O adulto precisa, portanto, estar disponível, atento, interessado, envolvido e, acima de tudo, participativo com a criança nas brincadeiras. Para facilitar, elegemos aqui alguns comportamentos bem-vindos para todos os adultos que participam da Oficina de Arte.

Incentivar as crianças, servindo de exemplo e modelo. É preciso participar, brincar junto e não apenas pedir que a criança brinque com os materiais propostos na oficina. Esta atitude transmite à criança a mensagem de que é legal participar daquilo;

🐛🦋 #REPOST @dra.aline.sandes Mudança de cor! 😍

Uma foto publicada por Malubambu Casa de Brincadeiras (@malubambu) em

Respeitar a resistência de cada criança, sem forçá-la, sem compará-la com outras crianças e nem diminuí-la por não querer participar. É preciso ajudar as crianças a expressar seus medos, sem banalizar ou ridicularizar;

Não demonstrar repulsa quando a criança chegar com mãos e corpo melados;

Proporcionar liberdade e tempo para as crianças brincarem, investigarem e explorarem os materiais como quiserem (sem descuidar da segurança, mas sem padrão estabelecido). É preciso valorizar mais o processo que o produto;

"Tinta de beterraba? É de cumê, mamãe!!!!" 😂😍😍 #repost via @mariucha_guimaraes

Uma foto publicada por Malubambu Casa de Brincadeiras (@malubambu) em

Valorizar o lado social das oficinas de arte, ajudando e incentivando as crianças a atuarem juntas.

SIGA-NOS

INSTAGRAM